Agência Nacional do Cinema
Translate traduzir ImprimirImprimir 02/10/2018 19:11

Modalidade C do Edital de Fluxo Contínuo Cinema abriu inscrições nesta terça, 2 de outubro

A Modalidade C é destinada a projetos das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, da região Sul e dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo; veja cronograma das demais modalidades

 

Preview
Ampliar
Foram abertas nesta terça-feira, 2/10, as inscrições na Modalidade C da Chamada Pública Fluxo Contínuo de Produção para Cinema, por meio do Sistema BRDE. A Modalidade C é destinada a produtoras brasileiras independentes sediadas nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste; e na Região Sul e estados de Minas Gerais e Espírito Santo; e também a distribuidoras brasileiras independentes sediadas em qualquer região do país (desde que o projeto inscrito seja de produtora sediada nas regiões listadas acima). Para a Modalidade C estão previstos aportes no valor total de R$ 25 milhões.
 
Em relação às Modalidades A e B, que tiveram suas inscrições abertas, respectivamente, em 18/9 e 25/9, será observado o cronograma abaixo:
 
 
MODALIDADE A
 
Análises de enquadramento – até 08/10
Recursos – 09 a 18/10
Análise de recursos – 15 a 26/10
Divulgação da lista final de classificação do enquadramento – 29/10
As propostas que necessitarem de reenquadramento serão enviadas ao Comitê de Investimento (CI). 
Habilitação seguirá na ordem de classificação.
 
 
MODALIDADE B
 
Análises de enquadramento – 08 a 15/10
Recursos – 16/10 a 25/10
Análise de recursos – 26/10 a 1/11
Divulgação da lista final de classificação do enquadramento – 5/11
As propostas que necessitarem de reenquadramento serão enviadas ao Comitê de Investimento (CI). 
Habilitação seguirá na ordem de classificação. 
 
 
MODALIDADE C
 
Análises de enquadramento – início em 16/10
As propostas que necessitarem de reenquadramento serão enviadas ao Comitê de Investimento (CI). 
Recurso – 10 dias da decisão do CI
Habilitação seguirá na ordem de inscrição. 
 
 

A Chamada Pública Fluxo Contínuo de Produção para Cinema seleciona em regime de fluxo contínuo, com base em critérios de pontuação calculada de forma automática, projetos de produção independente de longas-metragens de ficção, documentário ou de animação. Veja abaixo todas as informações sobre a Chamada Pública Fluxo Contínuo de Produção para Cinema:


O Edital

Pontuação de diretores - desempenho comercial

Pontuação de diretores -  quantidade de obras

Pontuação de produtoras

Pontuação de distribuidoras

Regulamento de Notas, que detalha os critérios usados para estabelecer a nota obtida por diretores e empresas produtoras e distribuidoras.

Manual de Habilitação, que sintetiza os requisitos necessários para a habilitação de projetos em cada modalidade.

Perguntas Frequentes (FAQ), para esclarecer dúvidas dos proponentes.

Guia de inscrição do Sistema BRDE-FSA, com a apresentação das telas que o proponente encontrará ao acessar o sistema.

Calculadora de Notas, que permitirá a cada proponente calcular a pontuação de seu projeto com base nas notas atribuídas ao diretor (Desempenho comercial, Quantidade de obras e Desempenho artístico), à produtora (Capacidade gerencial/Classificação de nível, Desempenho comercial e Desempenho artístico) e à distribuidora (Quantidade de obras, Desempenho comercial e Desempenho artístico).

 
 
 
Ícone Webmail Webmail Ícone Mapa Mapa do site SEI
Agência Nacional do Cinema - Ministério da Cultura - Governo Federal