Agência Nacional do Cinema
Translate traduzir ImprimirImprimir 19/09/2018 13:49

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro divulga vencedores

"Bingo - O Rei das Manhãs" levou oito troféus Grande Otelo

Preview
Ampliar
Das 15 indicações, "Bingo - o Rei das Manhãs" levou oito prêmios
A Academia Brasileira de Cinema divulgou na noite desta terça-feira (18/9) os vencedores do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. "Bingo – o Rei das Manhãs" foi o grande premiado desta edição. Das 15 indicações, o filme levou oito, entre elas o de Longa-metragem de Ficção, Ator, Ator Coadjuvante, Direção de Arte, Montagem e Voto Popular.
 
 
A cerimônia também homenageou a atriz Fernanda Montenegro, que completou 75 anos de carreira. Emocionada, a atriz citou os nomes de todos os cineastas com que trabalhou e destacou o papel do cinema em sua vida. "Sou de uma geração cinemeira, no subúrbio onde nasci as mães iam ao cinema com os filhos mamando. Estamos vivendo um momento em que precisamos de confraternização, de nos acalmarmos, raciocinar, ter uma emoção humanizada", ponderou.
 
 
A disputa reuniu 36 longas e 20 curtas nacionais, além de 5 longas estrangeiros, que concorreram ao Troféu Grande Otelo em 25 categorias. Os finalistas do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro são escolhidos pelos sócios da Academia em votação sigilosa pela internet. Os vencedores foram escolhidos em um segundo turno, quando membros da Academia e o público votam nos seus favoritos, nas categorias Melhor Longa-Metragem Ficção, Melhor Longa-Metragem Documentário e Melhor Longa-Metragem Estrangeiro.
 
 
O Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2018 é uma realização da Academia Brasileira de Cinema e tem apoio da Lei Federal de Incentivo à Cultura e patrocínio do BRDE/FSA-ANCINE.
 
 
Confira abaixo os vencedores:
 
MELHOR LONGA-METRAGEM DE FICÇÃO: BINGO – O REI DAS MANHÃS, de Daniel Rezende
 
 
 
MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO: DIVINAS DIVAS, de Leandra Leal
 
 
MELHOR LONGA-METRAGEM COMÉDIA: DIVÓRCIO, de Pedro Amorim
 
 
*Com informações da Assessoria do Ministério da Cultura 
 
 
 
MELHOR LONGA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO: HISTORIETAS ASSOMBRADAS – O FILME, de Victor-Hugo Borges
 
 
 
MELHOR LONGA-METRAGEM INFANTIL: DETETIVES DO PRÉDIO AZUL, de André Pellenz
 
 
 
 
MELHOR DIREÇÃO: LAÍS BODANZKY por Como Nossos Pais
 
 
 
MELHOR ATRIZ: MARIA RIBEIRO como ROSA por Como Nossos Pais
 
 
 
MELHOR ATOR: VLADIMIR BRICHTA como AUGUSTO MENDES por Bingo – O Rei das Manhãs
 
 
 
MELHOR ATRIZ COADJUVANTE: SANDRA CORVELONI como GRAÇA por A Glória e a Graça
 
 
 
MELHOR ATOR COADJUVANTE: AUGUSTO MADEIRA como VASCONCELOS por Bingo – O Rei das Manhãs
 
 
 
MELHOR DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA: LULA CARVALHO; ASC/ABC por Bingo – O Rei das Manhãs
 
 
 
MELHOR ROTEIRO ORIGINAL: MIKAEL DE ALBUQUERQUE E LUSA SILVESTRE por A Glória e a Graça
 
 
 
MELHOR ROTEIRO ADAPTADO: MIKAEL DE ALBUQUERQUE – adaptado do livro "3000 Dias no Bunker – um plano na cabeça e um país na mão", de Guilherme Fiuza – por Real – O Plano Por trás da História
 
 
 
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE: CÁSSIO AMARANTE por Bingo – O Rei das Manhãs
 
 
 
 
MELHOR FIGURINO: VERÔNICA JULIAN por Bingo – O Rei das Manhãs
 
 
 
MELHOR MAQUIAGEM: ANNA VAN STEEN por Bingo – O Rei das Manhãs
 
 
 
 
MELHOR EFEITO VISUAL: RICARDO BARDAL por Malasartes e o Duelo com a Morte
 
 
 
MELHOR MONTAGEM FICÇÃO: MÁRCIO HASHIMOTO por Bingo – O Rei das Manhãs
 
 
 
MELHOR MONTAGEM DOCUMENTÁRIO: NATARA NEY por Divinas Divas
 
 
 
MELHOR SOM: GEORGE SALDANHA, FRANÇOIS WOLF E ARMANDO TORRES JR; ABC por João, o Maestro
 
 
 
MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL:  PLÍNIO PROFETA por O Filme da Minha Vida
 
 
 
MELHOR TRILHA SONORA: MAURO LIMA, FAEL MONDEGO E FÁBIO MONDEGO por João, o Maestro
 
 
 
 
MELHOR LONGA-METRAGEM ESTRANGEIRO: UMA MULHER FANTÁSTICA/Una Mujer Fantástica (Chile) – dirigido por Sebastian Lelio. Distribuição: Imovision
 
 
 
MELHOR CURTA-METRAGEM ANIMAÇÃO: VÊNUS-FILÓ A FADINHA LÉSBICA, de Sávio Leite
 
 
 
MELHOR CURTA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO: OCUPAÇÃO DO HOTEL CAMBRIDGE, de Andrea Mendonça
 
 
 
MELHOR CURTA-METRAGEM FICÇÃO: A PASSAGEM DO COMETA, de Juliana Rojas
 
 
 
 
VOTO POPULAR - LONGA BRASILEIRO
Bingo – O Rei das manhãs
 
 
 
VOTO POPULAR - LONGA ESTRANGEIRO
La La Land: cantando estações
 
 
 
VOTO POPULAR - LONGA DOCUMENTÁRIO
Cora Coralina
 
 
Ícone Webmail Webmail Ícone Mapa Mapa do site SEI
Agência Nacional do Cinema - Ministério da Cultura - Governo Federal