Agência Nacional do Cinema
Tamanho da letra
  • botão de diminuição de letra
  • botão para letra voltar ao tamanho normal
  • botão para aumento de letra
Translate traduzir ImprimirImprimir 07/03/2018 16:31

Treze festivais e laboratórios internacionais recebem filmes e projetos brasileiros com apoio da ANCINE em março

Programa de Apoio à Participação Brasileira em Festivais, Laboratórios e Workshops Internacionais concede auxílios diversos dependendo da classificação de cada evento

Preview
Ampliar

Durante todo o mês de março, a ANCINE vai apoiar a participação de filmes e projetos brasileiros em treze eventos audiovisuais internacionais. Os auxílios são concedidos por meio do Programa de Apoio à Participação Brasileira em Festivais, Laboratórios e Workshops Internacionais.

 

Nesta quarta, 7, tem início o Festival de Cinema de Tampere, na Finlândia. Em sua 48ª edição, o evento dedicado ao cinema de curta-metragem selecionou para sua Competição Internacional o filme "Torre", de Nádia Mangolini, que segue com o apoio do Programa. No mesmo dia começa também o Doculab Guadalajara, no México, para o qual vai com apoio o projeto "Zona árida", de Fernanda Pessoa. O Doculab é o laboratório de projetos documentais do FICG - Festival Internacional de Cinema de Guadalajara, do qual também participam três obras com o apoio da iniciativa: "Anderson", de Rodrigo Meireles; "Boca de fogo", de Luciano Pérez Fernández; e "O espírito do bosque", de Carla Saavedra Brychcy, estão na Competição Iberoamericana de Curtas-Metragens. O FICG realiza sua 33ª edição entre os dias 9 e 16 de março.

 

O Programa de Apoio da ANCINE também ajudou a viabilizar a participação de três filmes brasileiros em eventos nos Estados Unidos. Para o Festival de Cinema de Miami, de 9 a 18 de março, vai o longa "Altas expectativas", de Alvaro Campos e Pedro Antonio, que concorre ao Zeno Mountain Awards, prêmio dedicado a filmes que abordam questões sobre as pessoas com deficiências. No South by Southwest, que acontece também entre os dias 9 e 18, no Texas, "Namoro à distância", de Carolina Markowicz, concorre na categoria Midnight Shorts, para curtas. Mais para o fim do mês, com início no dia 28 de março, o Festival New Directors/New Films, que acontece na Film Society do Lincoln Center, no MOMA, em Nova Iorque, selecionou o longa "Azougue nazaré", de Tiago Melo.

 

Outro evento que vai receber um bom número de filmes com apoio da ANCINE é o Cinelatino - Encontros de Toulouse, para o qual seguem o longa-metragem "O chalé é uma ilha batida de vento e chuva", de Letícia Simões, na Competição de Documentários; e os curtas "Deusa", de Bruna Calegari e "Fantasma cidade fantasma", de Amanda Devulsky, na Competição Oficial de Curtas-Metragens. Dois laboratórios que acontecem concomitantemente ao festival também receberão projetos brasileiros com apoio. Para o Cinema en Developpement vai "Criadas", de Carolina Rodrigues Silva Souza; e para o Cine en Construcción seguem "Temporada", de André Novais de Oliveira e "Los Silencios", de Beatriz Seigner. O 30º Cinelatino vai de 16 a 25 de março, na cidade francesa.

 

Seguindo na Europa, outros três eventos contarão com participação brasileira apoiada pela ANCINE. O CPH:DOX - Festival Internacional de Documentários de Copenhagen, na Dinamarca, importante evento voltado ao cinema documental que acontece de 15 a 25 de março, selecionou "Aquilo que sobra", de Humberto Giancristofaro, para a mostra NEXT:WAVE, espaço para talentos emergentes do evento. Outro festival de documentários, o Cinema du Réel, de 23 de março a 1º de abril, em Paris, escalou "Lembro mais dos corvos", de Gustavo Vinagre, para a Competição Internacional de Primeiros Filmes. E para o Scriptlab 2018, do Torino Film Lab, selecionou para sua edição que acontece de 19 a 25 de março na Grécia o projeto "O acidente", de Bruno Carboni e Marcela Bordin, uma coprodução em construção entre o Brasil e a Itália.

 

Finalizando a extensa lista de apoios previstos para o mês de março, o Programa de Apoio à Participação Brasileira em Festivais, Laboratórios e Workshops Internacionais contemplou três entre os muitos filmes brasileiros na programação do 36º Festival Internacional de Cinema do Uruguai, que acontece em Montevidéu a partir do dia 29: "Fevereiros", de Marcio Debellian, está na Competição Iberoamericana; "Sem raiz", de Renan Rovida na Competição de Novos Realizadores; e "Açucar", de Renata Pinheiro e Sérgio Oliveira, figura na lista da Competição DDHH, com temática sobre direitos humanos.

 

Saiba mais sobre o funcionamento do Programa:

 

O Programa de Apoio à Participação Brasileira em Festivais, Laboratórios e Workshops Internacionais concede subsídios diversos a projetos audiovisuais convidados para 35 laboratórios ou workshops no exterior e a filmes oficialmente convidados para 96 festivais internacionais. As regras para a concessão do apoio estão dispostas no regulamento do programa. Mais informações podem ser conseguidas pelo e-mail programa.apoio@ancine.gov.br.

 

Formulário de busca

 
Ícone Webmail Webmail Ícone Mapa Mapa do site SEI
Agência Nacional do Cinema - Ministério da Cultura - Governo Federal