Agência Nacional do Cinema
Translate traduzir ImprimirImprimir 01/10/2012 18:47

12ª edição do Goiânia Mostra Curtas começa amanhã

No dia 5, Encontro ANCINE sobre perspectivas para produção regional será destaque

Preview
Ampliar

Começa amanhã, dia 2 de outubro, na capital goiana, a 12ª Goiânia Mostra Curtas. A mostra, com 86 filmes e vídeos de curta-metragem produzidos em 15 estados brasileiros, traz um grande panorama das produções contemporâneas de curtas-metragens brasileiros. Além das exibições, o evento conta com oficinas, seminário e palestras. A programação completa já está disponível on line.

 

A abertura do festival acontece na noite de terça-feira no Teatro de Goiânia, onde haverá a exibição do documentário “Leila para sempre Diniz” (1976), dirigido por Mariza Leão e Sérgio Rezende. A irreverente atriz Leila Diniz (1945-1972) será a homenageada do evento, representada por sua irmã, Lígia Diniz.

 

Esta 12ª edição do Goiânia Mostra Curtas terá uma mostra especial dedicada às mulheres do cinema brasileiro, a “Curta Mostra Especial - Mulheres na Direção: a personalidade feminina nas imagens do Brasil atual”. Na mostra, serão exibidos 14 curtas-metragens de diferentes épocas, que tenham sido dirigidos por mulheres. Além da Curta Mostra Especial - Mulheres na Direção, o festival terá ainda as mostras Curta Mostra Brasil, Curta Mostra Goiás, Curta Mostra Municípios, 11ª Mostrinha e Curta Mostra Cinema nos Bairros.

 

O extenso programa conta também com quatro oficinas: “O documentário sob o risco do curta-metragem”, instruída por Patrícia Rebello; “Direção – do roteiro à pós-produção”, por Juliana Rojas; “Formatação de projetos e produção executiva”, por Helio Pitanga; e “Criação de Vídeo-poemas Instrutores”, por Igor Amorim e Bruna Carvalho. Além das oficinas, haverá o seminário “Pós-produção na era digital”, ministrado por José Agusto Blasiis, e a palestra “Vivências de Escritor e Roteirista Profissional”, por Fernando Bonassi. As inscrições para as oficinas e para o seminário se encerraram em 17 de setembro.

 

No dia 5, um dos destaques da programação será o “Encontro ANCINE - Audiovisual - novas perspectivas para a produção regional”, que abordará as novas políticas de regionalização da produção audiovisual promovidas pela ANCINE. Cineastas, produtores, profissionais de TV, gestores públicos na área da cultura, jornalistas, publicitários, estudantes de comunicação são o público-alvo do encontro, que acontecerá das 14:30h às 18h no Hotel Papillon.


O encerramento do festival também acontece no teatro de Goiânia e conta com a exibição de “Um ramo” (SP), ficção de Juliana Rojas e Marco Dutra. O filme de 2007 foi elogiado pela crítica e chegou a recebeu o Prêmio Descoberta Kodak para Melhor Curta-Metragem no Festival de Cannes.

 
 
Ícone Webmail Webmail Ícone Mapa Mapa do site SEI
Agência Nacional do Cinema - Ministério da Cidadania - Governo Federal